Entrar

Recital Caio do Céu é atração deste domingo da Semana Cultural de Campo Bom

Parte do universo do escritor Caio Fernando Abreu será transportado para o palco do Largo Irmãos Vetter neste domingo, 26, com a peça Caio do Céu, da multipremiada atriz Deborah Finocchiaro. A atração, que tem início as 18h30min, com entrada gratuita, faz parte da Semana Cultural de Campo Bom que acontece de 23 de novembro a 3 de dezembro e que conta com apresentações musicais, peças teatrais, Feira do Livro, entre muitas outras atrações.

Através do diálogo com o espectador e com o próprio autor, Caio do Céu expõe e questiona os valores da sociedade, os tabus, e principalmente as questões da alma humana. O roteiro tem como base os contos, crônicas, poemas e trechos de cartas, textos teatrais, entrevistas e citações do autor. O espetáculo traz para o palco o próprio autor através de vídeos com trechos de suas entrevistas.

Com uma linguagem híbrida – música ao vivo, imagens projetadas e interpretação – através da atuação da atriz Deborah Finocchiaro e do músico Fernando Sessé, a peça conta com uma equipe qualificada de profissionais de diferentes áreas, com a direção do renomado diretor Luís Artur Nunes, amigo pessoal de Caio e um dos organizadores do livro “Teatro Completo” do autor.

Caio Fernando Abreu

Caio Fernando Abreu (1948/1996) é um dos autores mais populares da literatura nacional e mesmo depois de sua morte segue conquistando leitores e fãs, sobretudo o público jovem. É um representante da contracultura: ele foi jornalista, dramaturgo e escritor. Através de situações cotidianas, contestou valores e falou sobre assuntos que até hoje são tabus, como aids, homossexualidade e espiritualidade. Sincero, cru, sórdido, exotérico, irônico, e sobretudo profundo, fala da alma, da fragmentação contemporânea e da valorização da vida.

Deborah Finocchiaro - Artista multipremiada

Deborah Finocchiaro estreou no teatro em 1985. Bacharel em Interpretação Teatral na Faculdade de Artes Cênicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, já participou de centenas de trabalhos como atriz no teatro, cinema e televisão, como diretora, produtora e ministrante. Ao longo de sua carreira, recebeu 32 prêmios, entre eles 9 de Melhor Espetáculo, 17 de Melhor Atriz, 1 de Melhor Direção, 1 de Melhor Texto Adaptado, 1 de Melhor Roteiro e 3 como Melhor Artista de Teatro. Em 2006 criou a Companhia de Solos & Bem Acompanhados, que atualmente tem em seu repertório os espetáculos “Pois é Vizinha…” (1993), “Sobre Anjos & Grilos – O Universo de Mario Quintana” (2006) e “GPS GAZA”, além do esquete “Erico de Bolso” (2013) e “Histórias de Um Canto do Mundo – Memórias de Porto Alegre e do Rio Grande do Sul” (que consiste em um espetáculo solo, um show musical e um registro da obra em livro/CD).  Seu mais recente trabalho é a peça “Caio do Céu”, a partir da obra de Caio Fernando Abreu, direção de Luís Arthur Nunes.

Em 2014 foi a artista homenageada do 21º Festival Internacional de Teatro Porto Alegre Em Cena, ganhando a biografia “A Arte Transformadora”, escrita pelo jornalista Luiz Gonzaga Lopes, que integra o 5º volume da coleção Gaúchos Em Cena.

Sportbook sites http://gbetting.co.uk/sport with register bonuses.